Avançar para o conteúdo principal

A Amiga Genial | Elena Ferrante


Entediante, enfadonho, repetitivo. É assim que descrevo o primeiro livro da tetralogia da autora italiana que esteve nos tops de vendas.
Ouvi falar tanto destes livros, vi tantas vezes os ditos nas mãos de inúmeras pessoas, li várias criticas sempre favoráveis que a curiosidade foi crescendo. E, numa fase em que leio mais que nunca, comprei-o (sempre com a ideia de ler os 4 livros)... Como estava enganada.
A Amiga Genial retrata a vida de duas amigas napolitanas e os seus episódios desde a infância até à juventude.
Se acho que Ferrante tem uma escrita genial como muitos leitores apregoam? Não acho mas eu sou suspeita: gosto de ler Gabriel Garcia Marquez que me habituou a uma narrativa irrepreensível, por isso aqui não fiquei deslumbrada e esta obra não me aguçou o apetite para os restantes livros.
Não percebo por isso o boom que esta saga teve porque a narrativa é bem confusa com tantos personagens, embora tenhamos uma lista de personagens logo no início. Não me fascinou e por isso desconfio que não lerei mais nenhum livro. Isto apenas serviu para me relembrar que não sou de modas em relação à literatura.

Comentários

Mensagens populares deste blogue

As Aventuras de Tsuki

Deu-me para isto: o jogo As Aventuras de Tsuki, da HyperBeard Games. Um jogo de aventuras passivo, como explicam na loja onde o descarreguei gratuitamente para o meu telemóvel. E o que é um jogo passivo? Ora bem, aqui não se passa nada, é um jogo em tempo real, vamos executando algumas ações e o Tsuki, o coelhinho mais fofo na história dos jogos, fica entretido com elas. Agora é frequente apanharem-me nos meus momentos mortos a ir apanhar as cenouras que o coelhito deixou plantadas, ou a ir  beber um chá de matcha ou a comer um lámen do restaurante do Bobi.

Adeus Natal

Ontem foi Dia de Reis, e com ele desfazem-se árvores de Natal, retiram-se as luzes e todas as decoracões. Termina a época dos doces em exagero e dizemos também adeus às músicas natalícias.
Ontem não toquei em nada porque queria gozar esta época até à última oportunidade mas hoje acordei com uma vontade férrea de reorganizar a minha casa.  E assim foi.
Foi rápida a arrumação  e ver a casa toda limpa e organizada conferiu-lhe um ar fresco.
No final do ano há mais!

Countdown

O antes e o depois de uma viagem. O entusiasmo, a expectativa do desconhecido, o querer aventuras...
Faço uma viagem por ano para fora do país e estou a 24 horas de voltar a meter os pés dentro de um avião. Ok, trabalho no aeroporto e quase todos os dias entro dentro de aviões. Mas desta vez, e pela primeira vez desde que aqui trabalho, vou mesmo viajar.
E amanhã estarei atenta ao trabalho das colegas na Porta de Embarque.
Nantes aí vou eu, e prepara-te que farei aí 35 anos :-)