[Car talk]


Nós não conseguimos ser tão patrióticos como os espanhóis: eles dobram filmes e novelas, traduzem à letra nomes de grupos musicais, produzem carros e os seus modelos têm nomes de cidades ou regiões espanholas. Estou a lembrar-me do caso da Seat:  Ibiza, Córdoba, Alhambra, Toledo, Málaga, Marbella, Leon, Arona... Não me lembrei deste facto por acaso: eu seguia de mota numa destas estradas portuguesas e reparei num Seat Córdoba bem antigo que também por ali circulava. E isso fez-me pensar nos modelos da marca... E isso fez-me pensar que não somos nada patrióticos: bem... temos uma água com a marca Luso, isso conta?
Falando da Seat, ainda no ano passado decorria um concurso de seleção do nome do novo SUV da marca. O concurso seguia os trâmites normais: os fãs  logavam-se, votavam e o nome com mais votações ganhava. O nome Tarraco (em Portugal, traduzimos como Tarragona) foi o eleito e é o primeiro nome da marca a ser escolhido por votação e o décimo quarto topónimo espanhol como modelo automóvel. O modelo estará à venda no final de 2018, aos interessados!
E isto é, a meu ver, o derradeiro orgulho patriota.
E com isto imagino um automóvel totalmente produzido em Portugal de seu nome Tejo - Marca que eu própria inventei! Imaginemos o Tejo Covilhã, ou o Tejo Bragança a rolarem nas estradas europeias. Era uma coisa bonita de se ver ;)
No entanto, e porque fui pesquisar, houve em tempos marcas portuguesas de automóveis, cujas viaturas foram criadas, desenhadas e fabricadas totalmente em Portugal: o  Alba, DM, Edfor, Sado, entre outras... É a nossa herança e temos que ter orgulho nela.

Comentários